Através do espelho

Meu nome é Louise e eu sou uma brasileira que se auto-intitula “cidadã do mundo”. I sempre tive um fascínio pelo mundo e vontade de explorá-lo. Talvez isso seja mais ou menos esperado de uma pessoa que cresceu em um mosaico de culturas, hábitos, música e linguagens. Como uma brasileira típica, eu tenho uma decendência multicultural, que inclui árabes, espanhóis, portugueses, holandeses e sabe-se lá mais o quê. Eu sou de duas famílias grandes, com uma porção de tios, tias, primos e outros parentes que moram em vários países e falam línguas diferentes. Talvez isso explique meu gosto por aprender novos idiomas, viajar e descobrir culturas diferentes (e conhecer novas pessoas), mas definitivamente serviu de inspiração para morar fora (6 países até agora!). Eu acredito que esses fatos influenciaram quem eu sou hoje: alguém que florece em ambientes multiculturais e que é flexível e consegue se comunicar com muitos tipos de pessoas.

Eu sou apaixonada por comunicação e artes. Enquanto a maior parte da minha carreira acadêmica foi dirigida para a área de comunicação, a maior parte do meu tempo livre é dedicado às artes. Fui parte do grupo de teatro da minha escola e hoje em dia eu provavelmente assisto seriados de televisão demais. Tenho certa intimidade com tintas e pincéis. Também visito todos os museus possíveis quando eu viajo, e eu viajo tanto quanto possível.

Desde que eu me entendo por gente, eu sempre adorei ler e escrever – e qualquer dia eu termino o livro que mora no meu HD externo já há algum tempo. Enquanto eu sempre gostei de bater fotos, descobri uma paixão pela atividade em alguma fase dos meus vinte anos. Esses interesses são claramente explorados no meu blog de viagem.